Arquivo da tag: guia

Como aprender inglês com música

Antes de começarmos a compartilhar músicas,  aí vão algumas instruções para tirar o máximo delas. Já que estamos aqui para aprender, tente seguir esses passos antes de ir direto para a letra da música e sua tradução:

  1. Seja receptivo: Se você não conhece as músicas, nunca ouviu falar dos artistas ou não gostou deles em um primeiro momento, tente abrir sua mente para a ideia que eles estão compartilhando. Essas letras são muito interessantes que vão ajudar a ampliar seu vocabulário; 
  2. Ouça: Ouça a música, sem ler a letra, pelo menos umas 3 vezes. Preste atenção, volte para as frases ou palavras que você tiver dificuldade de entender, mas não se frustre caso não faça sentido por completo. O importante é pegar a ideia principal. Esse passo é fundamental para memorização e aprendizado do vocabulário depois; 
  3. Leia: Depois desse processo, ouça a música com as letras em inglês quantas vezes você conseguir (mas ao menos 3 vezes). Procure pelos termos no dicionário em inglês ou no Google (se você não sabe como, leia meu post sobre como usar o Google para buscar termos em inglês). Além disso, preste atenção na pronúncia do cantor e como as palavras são conectadas. Tente sempre manter as definições em inglês nesse ponto e deixe a tradução para o próximo passo; 
  4. Traduza: Agora é a hora de você usar o português para ter a noção completa da ideia. Faça sua própria tradução e depois procure em algum site. Atenção: lembre-se que essas traduções online são feitas por qualquer pessoa, não necessariamente por um profissional, e ela podem ter vários erros. Não confie exclusivamente no que elas dizem. 
  5. Cante: Agora é sua vez! Grave a si próprio cantando essa música tentando reproduzir a pronúncia o mais próximo possível do que você ouviu. Ouça a si mesmo, divirta-se e aprenda!

Músicas são ótimas ferramentas para aprender gírias, termos usados normalmente na língua falada, treinar pronúncia mas principalmente para ouvir “versões rimadas” dos nossos pensamentos mais profundos.

Sempre uso a música como ferramenta de escape, como terapeuta nos momentos felizes e tristes. Eu me sinto muito bem quando sei que alguém conseguiu pôr em palavras os meus sentimentos, quando vejo que alguém passou pelo que passei.

Se você não tem o hábito de parar para ouvir o que esses artistas têm para dizer, comece agora! Você não vai se arrepender 🙂

Anúncios

Como usar o Google para buscar termos em inglês

É fato! Quando pinta qualquer dúvida é para ele que corremos para encontrar a resposta. Ele é tão importante hoje em dia que já tem até um verbo: “Dá uma Googlada aí e descobre”. O Google Translate é a ferramenta mais citada e usada pelos autodidatas, mas ela também tem suas falhas e eu vou mostrá-las aqui pra você.

Como nosso foco aqui é aprender idiomas, juntei uns macetes legais que abrangem os 3 objetivos mais comuns:

  1. Grafia (Como eu escrevo?)
  2. Significado (O que é isso?)
  3. Pronúncia (Como eu falo isso?)

Vamos a eles!

Continuar lendo Como usar o Google para buscar termos em inglês

Guia básico de como aprender e praticar inglês em casa

Então você resolveu ceder à tentação (ou à pressão) e resolveu aprender inglês? Fez aquele cursinho na época do colégio e descobriu que não consegue entender nada da série que você só conseguiu baixar sem legenda? Vai tirar umas férias pelos “States” e está inseguro se consegue se virar por lá?

Tem muita coisa disponível, gente falando sobre esse assunto e é fácil achar listas das melhores maneiras de praticar inglês em casa: “Ouça música”, “Veja filmes sem legenda”, “Converse com outras pessoas”, “Pense em inglês”, e por aí vai. A pergunta que você pode ter dificuldade para responder é “COMO eu faço essas coisas todas?”. Pode acreditar, você vai levar um tempo até encontrar uma boa resposta. Sendo assim, resolvi começar esse blog e te ajudar com essa tarefa tão importante, mas tão pouco explorada. Vamos ao básico!

Continuar lendo Guia básico de como aprender e praticar inglês em casa